O QUE FAZER COM SEU ESTOQUE PARADO?

Nesse período de isolamento social, você tem sentido que o seu estoque está ficando acumulado e os seus produtos estão parados? Com algumas dicas simples e muito eficazes, você pode mudar essa situação. Veja como:   Promova seus produtos: É preciso anunciar seus produtos! Isso não significa que deva necessariamente fazer promoções e sim apostar em diferentes maneiras de divulgação, com o objetivo de atrair o seu público e despertar o interesse pelas peças que estão paradas no seu estoque. Você pode fazer isso com anúncios, stories, enquetes, montando looks e combinações diferentes, entre outras!   Planeje e realize promoções: Ao contrário do que muitos empreendedores pensam, fazer uma promoção não significa perder dinheiro ou vender mais barato, e sim fazer o estoque girar. Com promoções, você conseguirá se livrar daquele estoque que está parado há muito tempo, garantir a entrada de recursos no caixa e otimizar o capital de giro. Além de dar descontos, é importante que a empresa também incentive a venda através de um outro produto, numa espécie de ‘combo’.   Crie campanhas direcionadas: Diferentemente da liquidação, que, normalmente, não tem um direcionamento para nenhum público específico, as ofertas dirigidas buscam levar esses anúncios para segmentos mais propensos à compra. As ofertas bem direcionadas têm uma probabilidade muito maior de conversão, uma vez que você irá oferecer ao seu cliente algo que ele está mais apto para adquirir. Para isso, você pode utilizar o histórico de compras do seu cliente e verificar o que ele mais consome.   É sempre importante entender que o seu estoque, mesmo parado, deve ser visto como uma ferramenta para o seu faturamento. Seguindo essas dicas, com certeza você conseguirá manter seu estoque girando e evitando prejuízos.

Por Lamour Joias em 12/05/2020 às 12:18
QUER VENDER PELO WHATSAPP? CONFIRA ESSAS DICAS?

Hoje em dia não nos faltam meios para nos mantermos próximos. E para continuar mantendo o seu negócio aquecido é importante se valer de todas as ferramentas que você têm disponíveis. O WhatsApp, por exemplo, é um excelente meio que você pode usar para manter o contato com seus clientes e continuar suas vendas. Você quer ajuda nisso? Nós te daremos algumas dicas básicas que mudarão sua forma de vender pelo WhatsApp. 1. Utilize o WhatsApp Bussiness: Uma dica primordial para vender pelo WhatsApp é utilizar o WhatsApp Bussiness. Ele é uma versão do app voltada para empresas, especialmente negócios individuais e conta uma série de funcionalidades que te ajudam a vender mais, a começar pela possibilidade de uso do telefone fixo para registro. Além disso, você conta com uma interface diferente, incluindo sugestões de mensagens automáticas como resposta, algo como “Olá! Como posso ajudar?”, além de recurso como métricas que informam os números de mensagens enviadas, entregues, recebidas e lidas. Você tem até mesmo etiquetas para marcar os clientes com informações como “pagamento pendente” ou “pedido finalizado”. Vale experimentar tudo o que ele oferece, até mesmo para buscar um maior profissionalismo para o seu negócio. 2. Organize os seus contatos: Um ponto que deve ser levado em consideração é a organização dos seus contatos. Se você possui muitos contatos é essencial que todos estejam devidamente cadastrados na sua lista.Para que você evite confusões e distrações na hora de falar com algum contato em específico, é importante que esse contato seja nomeado da forma correta. Você pode até renomear contatos conforme grau de proximidade com a sua empresa e identificar os clientes que compram seguidas vezes, por exemplo.Independente do modo de organização que a sua empresa adote, é necessário que ele seja eficiente e te ajude a distinguir os seus clientes na hora de estabelecer algum contato. 3. Utilize listas de transmissão e não grupos: Como você deve saber, um grupo reúne usuários interessados em um determinado assunto e isso não funciona na sua empresa, que conta com vários clientes diferentes, que têm posicionamentos e opiniões diferentes sobre os mais diversos temas. Mas e aí? O que fazer quando você precisa enviar uma mesma mensagem a vários usuários?Ao invés de encaminhar suas mensagens cliente por cliente, você pode usar uma lista de transmissão. É um processo bem simples: você cria a lista, seleciona todos os contatos que deseja colocar nela e pronto! É só escrever a mensagem e enviar. Dessa forma, você evitará a criação de grupos e o cliente ainda sentirá que a mensagem enviada foi personalizado para ele. 4. Estabeleça um cronograma: Você com certeza possui clientes que estão em estágios diferentes do processo de venda. Alguns conheceram a sua marca há pouco tempo, outros já estão habituados ao seu produto, enquanto outros ainda chegaram por alguma indicação e estão na fase inicial de relacionamento com a sua marca.Para cada uma dessas fases, existe uma forma específica de abordagem que você deve ter. Um erro muito comum é simplesmente encaminhar a mesma mensagem para toda a sua lista de clientes, como se fossem uma mesma pessoa. Cada um dos seus clientes conta com alguma particularidade. Então, de forma bastante prática, você pode organizar os seus clientes em listas específicas e traçar um cronograma de mensagens. Dessa forma, você pensará em quando e como abordará os seus diferentes tipos de clientes. Já está ansiosa para aplicar essas dicas? Com certeza elas mudarão a sua maneira de se relacionar com seus clientes durante o processo de vendas, tornando ele muito mais assertivo. Dessa forma, você terá muito mais sucesso em vendas e aumentará o seu faturamento.

Por Lamour Joias em 20/04/2020 às 15:34
ORGANIZE SEU ESTOQUE COM ESSAS 4 DICAS

Você acha que precisa de dicas para conseguir trabalhar melhor com seu estoque e evitar prejuízos? Existem passos simples que podem te ajudar a ter um controle eficiente sobre o seu estoque, evitar perdas e melhorar o seu faturamento. Quer conhecer esses passos? Nós preparamos dicas fundamentais para você colocar em prática no seu estoque!  #1 Fique por dentro das tendências: Antes de mais nada, você deve ter um prévio conhecimento de mercado. É preciso entender quais são as tendências entre os clientes para saber no que investir. Procure ficar por dentro de blogs, de portais, veja o que as pessoas estão comentando e, dessa forma, você terá um bom conhecimento do que agrada ao seu público. #2 Tenha um controle do seu estoque: Ter um controle total do que entra e sai da sua empresa evita prejuízos significativos e também aumenta as chances de encontrar oportunidades de negociação com os fornecedores.  Quando você conhece bem o seu estoque sabe diagnosticar até mesmo os produtos que estão com baixa rotatividade, o que é primordial para que não haja prejuízos. #3 Otimize seu estoque:  A quantidade de produtos armazenados deve estar em equilíbrio com a sua demanda, sem faltas ou excessos. O controle permite a otimização desse processo pelo conhecimento da rotatividade das mercadorias e possibilidades reais de venda.  Fazer a criação de um inventário também ajuda, porque fornece uma análise importante para identificar saídas e constâncias dos produtos.  #4 Promova produtos parados: Promover os produtos que estão parados é fundamental para que você consiga atualizar o volume presente no seu estoque. Você pode criar promoções, condições especiais ou até mesmo outlets com a intenção de que esses produtos não fiquem encalhados e que não se tornem um prejuízo para o seu negócio.  Entender e controlar o seu estoque é um passo fundamental para que você evite excessos de mercadoria e perda de investimento financeiro. Seguindo esses passos, com certeza você notará a mudança no seu negócio.

Por Lamour Joias em 08/04/2020 às 15:58
Dicas de Venda
4 PASSOS PARA VENDER MAIS!

 Você quer conhecer alguns passos simples que fazem toda a diferença na hora de vender? Nós criamos um manual de alguns passos que são fundamentais para ser bem sucedida em vendas e deixar seus clientes satisfeitos. Vamos lá? #1 Conheça o seu cliente: Antes de mais nada, é necessário fazer uma análise do seu cliente. Conhecer melhor a pessoa que está se comunicando com você é a melhor maneira de saber atingir pontos-chave na hora da venda.  Você deve entender quais são as necessidades do seu cliente, o que ele busca, quais são suas vontade e por aí vai. Dessa forma, você conseguirá estabelecer uma boa conexão com seu cliente e com certeza estará à um passo da fidelização desse cliente.  #2 Conheça o seu produto:  Conhecer o seu produto é essencial para vender melhor. Saiba do que ele é feito, quais são os materiais usados, e principalmente foque nos benefícios do seu produto. Mostrar todos os “prós” do seu produto é ideal para despertar o desejo e aguçar a  vontade do seu cliente. Saiba valorizar a mercadoria que você tem e, assim, o seu cliente se sentirá influenciado positivamente. #3 Contorne objeções: Todos nós sabemos que é comum o cliente colocar alguns “obstáculos” na hora da compra. Isso pode acontecer por insegurança ou até mesmo por alguma dúvida em relação ao produto, portanto, você deve estar pronta para saber contornar qualquer objeção do seu cliente. Foque sempre em reforçar os diferenciais das suas peças, a importância de estar adquirindo a sua mercadoria, converse sobre a garantia. Mostre que o cliente pode ficar despreocupado ao comprar o seu produto. #4 Cuide do seu marketing pessoal: Quem trabalha com vendas deve pensar no seu marketing pessoal. Tenha em mente que os seus clientes te enxergam como um referencial do seu ramo e consequentemente, a imagem acaba sendo um item importante, afinal, você acaba sendo a sua própria vitrine.  Por esse motivo, procure valorizar sua aparência ao máximo. Antes de mostrar o quanto o seu produto agrega à imagem dos seus clientes, mostre também o quanto ele te favorece. Dessa forma, seus clientes se sentirão mais confortáveis e isso ajudará no laço que você estará criando no momento da venda. Gostou dessas dicas? Seguindo esses passos você irá turbinar suas vendas e estará preparada para qualquer situação. Lembre-se que o seu foco sempre será o seu cliente e por isso, é bom estar atenta à cada contato. Isso será fundamental para que você tenha boas vendas e clientes satisfeitos.

Por Lamour Joias em 31/03/2020 às 19:36
Dicas de Venda
5 DICAS PARA SER PRODUTIVA EM SUAS VENDAS SEM SAIR DE CASA!

Você entende a importância da produtividade em vendas? Acelerar suas vendas é sempre um fator determinante, independente de qual momento do negócio você esteja. Em tempos de restrições, em que as pessoas estão impossibilitadas de sair de casa, qual sua estratégia para continuar vendendo? Antes de mais nada, tenha em mente de que esse é o momento perfeito para impulsionar suas vendas e que, mesmo da sua casa, você consegue manter o seu negócio funcionando. Você precisa de dicas para aumentar sua produtividade em vendas sem precisar sair de casa? Esse post é pra você! #1 CRIE FORMAS AUTOMATIZADAS DE COMUNICAÇÃO COM O CLIENTE: Hoje em dia nós contamos com várias maneiras de nos comunicar com o nosso cliente. Entre elas, você encontra ferramentas automatizadas para isso, como listas de transmissão no WhatsApp, por exemplo. Isso facilita e acelera a sua forma de falar com todos os seus clientes, te ajuda a segmentar melhor suas bases, criando listas diferentes e otimiza boa parte do seu trabalho. #2 INTENSIFIQUE A PRODUÇÃO DE FOTOS E VÍDEOS: Sabe aquela quantidade de peças que você tem no seu estoque? Crie conteúdo com elas! Basta você separar um pequeno espaço na sua casa para expor suas peças e garantir que você tenha material para mostrar aos seus clientes durante esse período em casa. Você pode usar sua criatividade e bom gosto para criar fotos still ou até mesmo fotos humanizadas, mostrando como o seu produto pode ser usado. #3 ORGANIZE PROCESSOS INTERNOS: Ter um tempo à mais em casa, pode ser muito mais útil do que você imagina. Sabe aquelas tarefas, que às vezes são julgadas secundárias, como organização do seu estoque e levantamento de clientes? Elas podem ser atualizadas agora. Quando você tem um bom controle de estoque e de clientes, seus processos de venda funcionam de maneira muito mais eficiente.  #4 FAÇA UMA LISTA DE TAREFAS: Saber o que fazer é sempre muito importante. Para isso, você pode criar uma lista de atividades do seu negócio e colocar em ordem de prioridade. Qual tarefa hoje é mais importante ser executada para que o seu negócio dê certo? Pense em todas as pendências da sua empresa e dê um start na sua lista. #5 AVALIE E ANALISE: Avaliar e analisar todos os processos de venda do seu negócio é essencial para que você identifique qualquer tipo de possível problema ou questão que deve ser resolvida na sua empresa. Quando você analisa melhor o caminho que o seu cliente traçou até o ato da compra, você entende quais estratégias deve traçar para que seus clientes continuem comprando. Seguindo essas dicas, com certeza você terá um tempo útil e bem aplicado no seu negócio. Aprender a gerir sua empresa de forma inteligente e otimizada é a melhor maneira de atingir os resultados que você espera.  

Por Lamour Joias em 26/03/2020 às 12:54
Dicas de Venda
MARKETING PARA REVENDEDORES: O QUE É FUNIL DE VENDAS?

Se você já enxerga a atividade de revenda como um negócio e não apenas como um “bico”, por que continuar vendendo somente da forma tradicional? Uma boa maneira de ampliar os lucros é investindo em marketing para revendedores, ou seja: com um pequeno roteiro que seja adequado a cada público, etapa da venda e produto oferecido. Funil de vendas é o nome dado a esse conceito. Parece complicado, mas a ideia por trás é bem simples. Entenda melhor sobre o assunto a seguir! MARKETING PARA REVENDEDORES: ENTENDA O FUNIL DE VENDAS! Você deve ter uma boa lista de contatos que sejam úteis às suas vendas (pessoas conhecidas, que já foram clientes ou clientes assíduos), mas será que isso é o suficiente? Uma lista, sozinha, não basta para que as vendas aumentem. É preciso que você trabalhe com cada um desses dados de maneira diferente, e saiba os motivos da compra ou não. Assim, imagine que você tem um produto novo, com funcionalidades novas. Alguns daqueles de sua lista de contatos não devem fazer ideia do que o produto oferece. Tentar vender para eles, de cara, seria uma frustração. O funil de vendas é o caminho percorrido por um potencial cliente desde o interesse até a efetivação da compra. Ele prevê os estágios de maturação da decisão, desde antes do primeiro contato com o cliente. Dessa forma, o revendedor saberá como se comportar com esse possível comprador, o que e quando oferecer um produto a ele. Funciona assim: O CLIENTE TEM UMA NECESSIDADE, MAS NÃO SABE O potencial cliente não conhece o produto que você oferece e nem porque ele é bom. Na verdade, ele não sabe nem que precisa dele! É nesse momento em que o vendedor aponta uma necessidade que está ali, mas a pessoa ainda não visualiza. Por exemplo: imagine que você está vendendo uma linha de cosméticos nova, anti-idade, para pessoas jovens. Ora, porque alguém, aos 20 anos, se preocuparia com isso? Responda educando os clientes sobre a necessidade de se atentar para os cuidados da pele desde cedo, sinalizando a ele que 20 anos é uma boa idade para pensar nisso. O CLIENTE BUSCA UMA SOLUÇÃO O futuro cliente já sabe que precisa ficar atento aos cuidados da pele, mas não entende como fazer isso. Ele está considerando as múltiplas soluções que existem: fazer tratamentos estéticos, melhorar a alimentação, apostar em dermocosméticos. Agora, você deve atuar como um consultor de verdade. Mostrar os prós e contras de cada opção e todas as alternativas para que ele faça uma boa escolha. Esse é o momento de apresentar a solução, mas sem dar todos os detalhes. O CLIENTE AVALIA A SOLUÇÃO QUE VOCÊ OFERECE O cliente avaliou que apostar em dermocosméticos é a melhor maneira de começar a cuidar da pele e está comparando as opções. A linha que você oferece é uma delas, então, você está liberado para falar das vantagens da sua solução, pois o cliente já está educado. É nessa hora que a compra é muito mais provável. Com o funil de vendas, você não gasta esforço, tempo e transporte com pessoas que não estão prontas para a compra. Além disso, evita frustrações com a solução prometida ou insatisfação com o seu serviço. O funil de vendas também ajuda no seu marketing. Você saberá que assunto tratar com os clientes, como abordá-los e quando investir em seu poder de convencimento! COMO CRIAR UM FUNIL DE VENDAS? Inicialmente, entenda seu público. Pegue aquela conhecida lista de contatos e analise quem são aquelas pessoas, onde elas moram, qual sua idade e a probabilidade de se interessar por sua solução. Caso possua um blog ou rede social, você pode oferecer formulários com perguntas para entender melhor o perfil dos seus clientes e potenciais clientes. Depois, você deve se preocupar em atrair um público específico, mantendo uma conversa interessante, tanto online quanto offline. Com o blog, é possível postar conteúdos que atraiam o público esperado. Por fim, ouça o cliente e foque em suas necessidades. Não tente vender antes do momento certo, especialmente quando trabalhar com produtos voltados para públicos muito específicos. Assim, as vendas ficarão mais fáceis e assertivas!

Por Lamour Joias em 26/03/2020 às 12:53